Publicidade
Notícias
Economía
Cultura
Instituições e Empresas
Personagems
Links
Editorial
Documentos
Cronologías


Foros de Debate



Participe no fórum e dê a sua opinião. A opinião da Direcção está expressa na linha editorial.

Os participantes do fórum podem exprimir as suas ideias pessoais que não tem necessariamente que concedir com os temas de Guine-Bissau.com.

Dê a sua opinião sobre a actualidade nacional e internacional no fórum.
Economía  |  Política  |  Desporto  |  Religião  |  História  |  Sociedade

Ultimo Comentario: 20/08/2007 18:52:41 4 comentarios
Tema: HOMENAGEAR CABRAL
Cabral, o trilho! Cabral, a chave!
Cabral, o trilho ! Cabral, a chave ! A fundação Amilcar Cabral, criada e sediada em Cabo Verde, realizará de 09 a 12 de Setembro de 2004, o simpósio internacional Amilcar Cabral, uma homenagem que marcará o 80º aniversário do nascimento de Cabral. O simpósio reunirá personalidades políticas e intelectuais de vários quadrantes, contando com o apoio do governo caboverdiano, naturalmente e da UNESCO (organismo das Nações Unidas para a educação, ciência e cultura), que respondeu favoravelmente ao pedido do governo de Cabo Verde no apoio a esta iniciativa. Para a UNESCO, é uma forma de valorizar tudo o que Cabral fez, não só para Cabo Verde, mas também para a África e para a Humanidade. Deixo aqui o meu ponto de vista sobre esta iniciativa, aproveitando a oportunidade para lançar ideias sobre a valorização do património comum da Guiné-Bissau e d
Indice de Debates    A sua opinião    Proponha um debate
Sambuia Caeiro Nevada   agora vivo em Bafata (em servico)   Guinea-Bissau   20/08/2007 18:52:41
“Não Posso Mais Adiar a Palavra” – Um PRS do Dr. Koumba Yala desorganizado é sempre a maior vantagem para o nosso PAIGC. Este é, se não me falha a memória, o título do
“Não Posso Mais Adiar a Palavra” – Um PRS do Dr. Koumba Yala desorganizado é sempre a maior vantagem para o nosso PAIGC. Este é, se não me falha a memória, o título do livro do então jovem escritor e poeta da minha era Dr. Hélder Proença. É um título que, apesar de conter poemas ricos e de raro nível literário, encaixa no actual contexto sócio-intriguitsa, fascista e separatista que se vive no PRS (sob a liderança do Pedro Milaco, Alfredo Malu e não Vensã) desde há uns meses, ou seja desde a palhaçada do Congresso desorganizado Florentinamente a maneira Embalo-cunda decorrido em Novembro passado, para separar de uma vez para sempre o líder carismático do PRS com os seus verdadeiros defensores. Conheça os grandes mentores da crise que se instalou no Jovem Partido PRS: Alfredo Malu, Marcelo Malu Nabiutcha, Roberto Malu Mbetcha, Tubana Malu, Beto Malu Pinto Pereira, Vençã Malu Naluque, Pedro Malu Milaco, Gáz Malu Fernandes, Joaquim Malu Blabla Tchutchidur Batista, Lino dançarino Malú Leal, Pi Fantoche Ideólogo Malú da Costa. Eu disse, palhaçada política, porque eu vi pela primeira vez na minha vida a última geração de uma formação política, que é a Juventude, a tomar parte activamente numa ronda negocial com um Partido como o PAIGC, negociando poder com os nossos digníssimos e experimentados dirigentes. Pergunto: quais seriam os argumentos e contra-argumentos do menino e chefe de milícias (pide) Marcelino Nabita em frente negocial com os senhores Soares Sambú, Olivaz, Satu Camará, Marciano Barbeiro, Papai Danfá ou o próprio NDafa Cabi. O que sabe da negociação o Dinis Balde? Obrigado! Muito obrigado PRS pelo envio de meninos à negociação. Façam o balanço de como é que ficaram. Ganharam? Empataram? Ou Perderam? Abram a vossa cabeça e usem a matemática de Bula. Nós de Boé. Já ganhámos! Senti-me arrependido de ser manjaco. Não é por causa de complexo, mas devido a postura indignificante dos meus colegas desde tabanca até na ex-URSS de costume, onde fomos levados pela Aeroflot por onde também alguns tiveram que falhar com o curso de milícia e polícia política (PIDE) regressando com os de direito, história, politologia. O Vensã Naluque está neste momento a fazer a colocação dos seus parentes manjacos nas Direcções Gerais/Institutos, PCA das grandes empresas. Uma política de manjacarização no PRS (Instituto de Previdência Social para o Ulundo Mendes e Fernando Gomes para APGB e outros). Apesar desta tribo não ser aquela que detém o mássico voto do Partido de Koumba. Ele e o Pedro Milaco, coadjuvados pelo sambassuca Joaquim Batista Correia, estão a fazer um trabalho de desbalantarização de base deste Partido dos diabos que todos os guineenses e até a Comunidade Internacional sabe quem o vota nos escrutínio. Uma missão que nós do PAIGC não demos ao Pedro, mas merece ser elogiado ou gratificado pelo trabalho semelhança ao que tem feito contra a Madalena e Dutchy que são figuras do coração de Koumba Yalá. Ficamos muito contentes no PAIGC com a palhaçada do batráquio do Marcelino Nabita que neste momento está a alistar os nomes dos seus colegas jovens e até dos dirigentes do Partido, só pelo facto destes estão a pensar que o Partido deve unir todos os seus militantes e dirigentes (desde os que contestaram as deliberações do Congresso do meu irmão mais novo Florentino Causa de Impugnação Mendes Pereira) para o próximo embate. O menino Marcelino, com bolsos cheios, não consegue reagir agora face às mesmas situações ou pior ainda que anteriores onde tagarelava quase todos os dias nas rádios. Isto é que lhe faltava. Agora está em direcção a se candidatar a todo o custo com os seus colegas milícias na lista de deputados. Por isso quer substituir os impugnadores nos lugares de líderes de bancada, comissão especializada da ANP... Hoje estes vieram complicar a cabeça de Koumba, que aparece afinal de contas um líder fraco, ao ponto de ser aproveitado por um homem-camaleão que precisa de ser levado pelos ombros para poder chegar ao seu destino, sobretudo no que toca com o meu parente e sobrinho de afinidade Luisinho Ulundo Mendes, embora carrancudo e rebelde. Este jovem que já tem acordo e juro com o Pidrinho Milaco! “Fiança quebra kudjer!” O PRS precisa saber se o Senhor Pedro Milaco, actualmente Ministro da Solidariedade Social e função Pública e Trabalho, irá cumprir as orientacoes dos órgãos do Partido. Quando vinha da UAC, onde lecciono, e de passagem pelo passeio, em frente da Sede do PRS em Belém, um grupo de jovens estavam revoltados, falando ao tom revolucionário, até em sequestro, por saberem que seria o Eng.º Ulundinho Mendes a reconduzir no Instituto de Previdência Social em detrimento da mulher do Dutchy que o PRS escolheu através de uma reunião que durou muitas horas. Este jovem que o Pedro Milaco jurou defender em Conselho de Ministros, mesmo à revelia da decisão dos órgãos do Partido, alegando que o Koumba Yalá é que lhe instruiu fazer isso, desobedecendo as deliberações do órgão do Partido numa reunião presidido pelo Presidente que o próprio Koumba confiou e delegou poderes; reunião também presenciada pelos membros do referido órgão. Se é verdade que o Pedro está a cumprir a ordem do Koumba a partir dos Marrocos é por que o PRS não decide colegialmente, não valendo assim a pena ter os Estatutos, tão pouco os próprios órgãos. Segredos do Ulundo já temos aqui no nosso PAIGC. Estamos pouco a pouco a juntar elementos da envolvência do senhor Pedro Milaco para a campanha. Pelo menos o nosso sindicado já nos informou do mistério do dinheiro da Previdência Social para a viagem à Suíça. Pedro Milaco – Ulundo Mendes, uma história para contar. Coitado dele; recente na governação, bem mergulhado na corrupção e desvio de milhões a enganar o Koumba com a história de regresso do Secretário Geral do PRN para o PRS. Um Pedro Milaco que tem aproveitado da inocência e imaturidade dos jovens como Marcelino Nabitã e o oportunismos de bindin mbindiu do djila-bá do Alfredo Malu, como único portador do contacto do vosso leader Koumba, meu amigo, metendo estes jovens na sua corrida em velocidade de camaleão pendurado no rabinho para chegar à meta. Fiquei contente em saber que o PRS actual realmente não faz política para alcançar e durar no poder. Já agradecemos e pagamos o Sory põe ter nos vendido os 2 ministérios, deixando o PRS em posição de desvantagem em relação ao nosso grande PAIGC, temos conhecimento de que alguns de vocês estiveram envolvidos na negociata, até mesmo o milícia (pide) Nabiótcha Nabita, porque o Vença estava impedido de entrar no negócio embora queria, razão pela qual traiu o negócio, o que para nós do PAIGC não é nada. Só sabemos que o nosso Pedro Milaco está aí bem infiltrado, a gozar de uma alta posição para estudar melhor o desorganizado PRS. Embora estando o mesmo neste momento a proteger meramente os seus interesses pessoais que se residem nos bolsos do meu sobrinho Ulundo Marinha Telecom Carinhas Mendes Na Tchutu. O Pedro Milaco fez muito bem por ter presumido que a Dra. Madalena não estaria envolvida no banditismo de Bula, não a quer nomear a todo o custo, argumentando muito bem de que essa pertencido à família badia, da qual ele Peter não tem nada a ver. A Dra. Madalena, por acaso, é uma mulher sempre firme, fiel inabalável pelas turbulências, mesmo do tipo do nosso enviado Pedro Milaco Substituto do Beto no ombro de Koumba. Mulher que até comparamos com a nossa diva viva Satu Camará, que tem dado as grandes aulas políticas no Parlamento. A senhorita Madalena embora tivesse mantido serena e nunca quis revelar que o Pedro Milaco é um meio-homem coxo e débil mental. Nunca mostrou que o Pedro Milaco infiltrou-se a mando do nosso grande Partido PAIGC dentro do PRS para recolher informacoes e executar o nosso plano de dividi-lo, principalmente separar o Koumba do Artur Sanhá. Para quem quiser provar que pergunte ao Pedro Milaco quem é o senhor Artur Sanhá para o PRS. Nha ermons bô abri udju na cabessa, ami i di lá di Pantufa. Quem quiser saber bem melhor dos segredos entre o Pedro Milaco e o Ulundum Mendes que faça o favor de se dirigir ao sindicato, no meu gabinete lá em cima. Pedro, política é política, amigo de lado. Pedru Milako: Nês purmeru fasi, no mandau inda son pa bai kria Fundasson di Kumba dentru di Partidu, pa pudi rebenta ku elis, porqui nô danal dja ku si Artur, úniku firkidja di ki Partidu. Pedro, não se esqueça que você é bem pago para não permitir, de forma alguma que haja reconciliação no seio do PRS. Temos boas informações de que você é uma das pessoas que contribuíram para abortar a viagem dos impugnadores para Marrocos, homens fieis do regime do Koumba. Este é um bom trabalho que estás a fazer. Mas continue com os paços a seguir: a Fundação dentro do Partido. Porque eles não sabem interpretar o que significa a Fundação. Também elogiamos os teus esforços para impedir que o economista, gestor e diplomata Dr. Malam Mané fosse nomeado Ministro das Finanças, pois era uma enorme preocupação do Hélder Proença se esse fosse, porque é um grandíssimo quadro, conhecedor do sistemas de nacoes unidas, tendo passado pelo PNUD, OMS e sempre foi quadro dos Negócios Estrangeiros que, por duas vezes foi nomeado pelo Koumba Yalá como membro de Governo. Também não deixa nunca que o fundador José de Pina (Dutchy) seja nomeado como Ministro da Administração Interna na próxima remodelação do governo, porque ele é um homem que, apesar de crítico, é muito próximo do barrete vermelho e poderá complicar o nosso PAIGC nos próximos embate, pois é um grande político e verdadeiro ideólogo capaz de revolucionar e controlar muito bem aquele Ministério para o bem daquele Partido PRS. Ma, Pedru, tarbadja suma Fernando Gumis di APGB. I bai dja té Marroco, i fasi bom tarbadju. Ali incantua elis Nabiótcha Nabita ku Alfredo Malu pa six tempu na Purtu, até próssimu rekumendason di Hélder Proença. Tambi, i leba dja um karinha di génerus i ku dinheru pa kassa del homi garandi di Marrocos ki ta fala djintis kuma i ka kurruptu, ma ista rodiadu di kurrumpidus gora. Suma Lino Leal i dinós. I odjadu dja na televison na badja pa nós. Vensã Naluque, kila ka sibi inda ké ki pulitika di Bissau. Gossi nô pui alguin na ki ala radikal cosnervadur di PRS di Nambeia ku Sola. No randja dja un fatu nobu pa Tibna, joven muitu djiru. Embora nô Hélder avisanu, ni i ka tarda, kuma jovens di PRS tona vira mais tudu sê speransa na Artur Sanhá, ma é biás no na fitchal pa manga di tempu, ó no fassil suma Silvestre Alves. Pabia nô pensadur garandi Hélder Proença falanu kuma és i úniku manera ku nô pudi robal ki chepeu burmedju pa nó pudi pul sumbia di Cabral, pabia nin Cadogo ku Bacai ka tene sintidu di Cabral. É ka pudi rastanu pa leba diani. Kussa dén dimas, ma i bardadi ku Kofi Annan konta ba di kuma Guvernu di Transisson dibidi kontinua ba pa País pudi sai na krisi, pabia di tarbadju certu ku el Artur na fassi ba. Pa Deus djudanu ba konsigui djundal. I na sedu festa toki sol mansi, pabia kila na sedu fin di PRS. Já não importa revelar-me a mim, porque já me conhecem. – Um PRS do Dr. Koumba Yala desorganizado é sempre a maior vantagem para o nosso PAIGC. Este é, se não me falha a memória, o título do livro do então jovem escritor e poeta da minha era Dr. Hélder Proença. É um título que, apesar de conter poemas ricos e de raro nível literário, encaixa no actual contexto sócio-intriguitsa, fascista e separatista que se vive no PRS (sob a liderança do Pedro Milaco, Alfredo Malu e não Vensã) desde há uns meses, ou seja desde a palhaçada do Congresso desorganizado Florentinamente a maneira Embalo-cunda decorrido em Novembro passado, para separar de uma vez para sempre o líder carismático do PRS com os seus verdadeiros defensores. Conheça os grandes mentores da crise que se instalou no Jovem Partido PRS: Alfredo Malu, Marcelo Malu Nabiutcha, Roberto Malu Mbetcha, Tubana Malu, Beto Malu Pinto Pereira, Vençã Malu Naluque, Pedro Malu Milaco, Gáz Malu Fernandes, Joaquim Malu Blabla Tchutchidur Batista, Lino dançarino Malú Leal, Pi Fantoche Ideólogo Malú da Costa. Eu disse, palhaçada política, porque eu vi pela primeira vez na minha vida a última geração de uma formação política, que é a Juventude, a tomar parte activamente numa ronda negocial com um Partido como o PAIGC, negociando poder com os nossos digníssimos e experimentados dirigentes. Pergunto: quais seriam os argumentos e contra-argumentos do menino e chefe de milícias (pide) Marcelino Nabita em frente negocial com os senhores Soares Sambú, Olivaz, Satu Camará, Marciano Barbeiro, Papai Danfá ou o próprio NDafa Cabi. O que sabe da negociação o Dinis Balde? Obrigado! Muito obrigado PRS pelo envio de meninos à negociação. Façam o balanço de como é que ficaram. Ganharam? Empataram? Ou Perderam? Abram a vossa cabeça e usem a matemática de Bula. Nós de Boé. Já ganhámos! Senti-me arrependido de ser manjaco. Não é por causa de complexo, mas devido a postura indignificante dos meus colegas desde tabanca até na ex-URSS de costume, onde fomos levados pela Aeroflot por onde também alguns tiveram que falhar com o curso de milícia e polícia política (PIDE) regressando com os de direito, história, politologia. O Vensã Naluque está neste momento a fazer a colocação dos seus parentes manjacos nas Direcções Gerais/Institutos, PCA das grandes empresas. Uma política de manjacarização no PRS (Instituto de Previdência Social para o Ulundo Mendes e Fernando Gomes para APGB e outros). Apesar desta tribo não ser aquela que detém o mássico voto do Partido de Koumba. Ele e o Pedro Milaco, coadjuvados pelo sambassuca Joaquim Batista Correia, estão a fazer um trabalho de desbalantarização de base deste Partido dos diabos que todos os guineenses e até a Comunidade Internacional sabe quem o vota nos escrutínio. Uma missão que nós do PAIGC não demos ao Pedro, mas merece ser elogiado ou gratificado pelo trabalho semelhança ao que tem feito contra a Madalena e Dutchy que são figuras do coração de Koumba Yalá. Ficamos muito contentes no PAIGC com a palhaçada do batráquio do Marcelino Nabita que neste momento está a alistar os nomes dos seus colegas jovens e até dos dirigentes do Partido, só pelo facto destes estão a pensar que o Partido deve unir todos os seus militantes e dirigentes (desde os que contestaram as deliberações do Congresso do meu irmão mais novo Florentino Causa de Impugnação Mendes Pereira) para o próximo embate. O menino Marcelino, com bolsos cheios, não consegue reagir agora face às mesmas situações ou pior ainda que anteriores onde tagarelava quase todos os dias nas rádios. Isto é que lhe faltava. Agora está em direcção a se candidatar a todo o custo com os seus colegas milícias na lista de deputados. Por isso quer substituir os impugnadores nos lugares de líderes de bancada, comissão especializada da ANP... Hoje estes vieram complicar a cabeça de Koumba, que aparece afinal de contas um líder fraco, ao ponto de ser aproveitado por um homem-camaleão que precisa de ser levado pelos ombros para poder chegar ao seu destino, sobretudo no que toca com o meu parente e sobrinho de afinidade Luisinho Ulundo Mendes, embora carrancudo e rebelde. Este jovem que já tem acordo e juro com o Pidrinho Milaco! “Fiança quebra kudjer!” O PRS precisa saber se o Senhor Pedro Milaco, actualmente Ministro da Solidariedade Social e função Pública e Trabalho, irá cumprir as orientacoes dos órgãos do Partido. Quando vinha da UAC, onde lecciono, e de passagem pelo passeio, em frente da Sede do PRS em Belém, um grupo de jovens estavam revoltados, falando ao tom revolucionário, até em sequestro, por saberem que seria o Eng.º Ulundinho Mendes a reconduzir no Instituto de Previdência Social em detrimento da mulher do Dutchy que o PRS escolheu através de uma reunião que durou muitas horas. Este jovem que o Pedro Milaco jurou defender em Conselho de Ministros, mesmo à revelia da decisão dos órgãos do Partido, alegando que o Koumba Yalá é que lhe instruiu fazer isso, desobedecendo as deliberações do órgão do Partido numa reunião presidido pelo Presidente que o próprio Koumba confiou e delegou poderes; reunião também presenciada pelos membros do referido órgão. Se é verdade que o Pedro está a cumprir a ordem do Koumba a partir dos Marrocos é por que o PRS não decide colegialmente, não valendo assim a pena ter os Estatutos, tão pouco os próprios órgãos. Segredos do Ulundo já temos aqui no nosso PAIGC. Estamos pouco a pouco a juntar elementos da envolvência do senhor Pedro Milaco para a campanha. Pelo menos o nosso sindicado já nos informou do mistério do dinheiro da Previdência Social para a viagem à Suíça. Pedro Milaco – Ulundo Mendes, uma história para contar. Coitado dele; recente na governação, bem mergulhado na corrupção e desvio de milhões a enganar o Koumba com a história de regresso do Secretário Geral do PRN para o PRS. Um Pedro Milaco que tem aproveitado da inocência e imaturidade dos jovens como Marcelino Nabitã e o oportunismos de bindin mbindiu do djila-bá do Alfredo Malu, como único portador do contacto do vosso leader Koumba, meu amigo, metendo estes jovens na sua corrida em velocidade de camaleão pendurado no rabinho para chegar à meta. Fiquei contente em saber que o PRS actual realmente não faz política para alcançar e durar no poder. Já agradecemos e pagamos o Sory põe ter nos vendido os 2 ministérios, deixando o PRS em posição de desvantagem em relação ao nosso grande PAIGC, temos conhecimento de que alguns de vocês estiveram envolvidos na negociata, até mesmo o milícia (pide) Nabiótcha Nabita, porque o Vença estava impedido de entrar no negócio embora queria, razão pela qual traiu o negócio, o que para nós do PAIGC não é nada. Só sabemos que o nosso Pedro Milaco está aí bem infiltrado, a gozar de uma alta posição para estudar melhor o desorganizado PRS. Embora estando o mesmo neste momento a proteger meramente os seus interesses pessoais que se residem nos bolsos do meu sobrinho Ulundo Marinha Telecom Carinhas Mendes Na Tchutu. O Pedro Milaco fez muito bem por ter presumido que a Dra. Madalena não estaria envolvida no banditismo de Bula, não a quer nomear a todo o custo, argumentando muito bem de que essa pertencido à família badia, da qual ele Peter não tem nada a ver. A Dra. Madalena, por acaso, é uma mulher sempre firme, fiel inabalável pelas turbulências, mesmo do tipo do nosso enviado Pedro Milaco Substituto do Beto no ombro de Koumba. Mulher que até comparamos com a nossa diva viva Satu Camará, que tem dado as grandes aulas políticas no Parlamento. A senhorita Madalena embora tivesse mantido serena e nunca quis revelar que o Pedro Milaco é um meio-homem coxo e débil mental. Nunca mostrou que o Pedro Milaco infiltrou-se a mando do nosso grande Partido PAIGC dentro do PRS para recolher informacoes e executar o nosso plano de dividi-lo, principalmente separar o Koumba do Artur Sanhá. Para quem quiser provar que pergunte ao Pedro Milaco quem é o senhor Artur Sanhá para o PRS. Nha ermons bô abri udju na cabessa, ami i di lá di Pantufa. Quem quiser saber bem melhor dos segredos entre o Pedro Milaco e o Ulundum Mendes que faça o favor de se dirigir ao sindicato, no meu gabinete lá em cima. Pedro, política é política, amigo de lado. Pedru Milako: Nês purmeru fasi, no mandau inda son pa bai kria Fundasson di Kumba dentru di Partidu, pa pudi rebenta ku elis, porqui nô danal dja ku si Artur, úniku firkidja di ki Partidu. Pedro, não se esqueça que você é bem pago para não permitir, de forma alguma que haja reconciliação no seio do PRS. Temos boas informações de que você é uma das pessoas que contribuíram para abortar a viagem dos impugnadores para Marrocos, homens fieis do regime do Koumba. Este é um bom trabalho que estás a fazer. Mas continue com os paços a seguir: a Fundação dentro do Partido. Porque eles não sabem interpretar o que significa a Fundação. Também elogiamos os teus esforços para impedir que o economista, gestor e diplomata Dr. Malam Mané fosse nomeado Ministro das Finanças, pois era uma enorme preocupação do Hélder Proença se esse fosse, porque é um grandíssimo quadro, conhecedor do sistemas de nacoes unidas, tendo passado pelo PNUD, OMS e sempre foi quadro dos Negócios Estrangeiros que, por duas vezes foi nomeado pelo Koumba Yalá como membro de Governo. Também não deixa nunca que o fundador José de Pina (Dutchy) seja nomeado como Ministro da Administração Interna na próxima remodelação do governo, porque ele é um homem que, apesar de crítico, é muito próximo do barrete vermelho e poderá complicar o nosso PAIGC nos próximos embate, pois é um grande político e verdadeiro ideólogo capaz de revolucionar e controlar muito bem aquele Ministério para o bem daquele Partido PRS. Ma, Pedru, tarbadja suma Fernando Gumis di APGB. I bai dja té Marroco, i fasi bom tarbadju. Ali incantua elis Nabiótcha Nabita ku Alfredo Malu pa six tempu na Purtu, até próssimu rekumendason di Hélder Proença. Tambi, i leba dja um karinha di génerus i ku dinheru pa kassa del homi garandi di Marrocos ki ta fala djintis kuma i ka kurruptu, ma ista rodiadu di kurrumpidus gora. Suma Lino Leal i dinós. I odjadu dja na televison na badja pa nós. Vensã Naluque, kila ka sibi inda ké ki pulitika di Bissau. Gossi nô pui alguin na ki ala radikal cosnervadur di PRS di Nambeia ku Sola. No randja dja un fatu nobu pa Tibna, joven muitu djiru. Embora nô Hélder avisanu, ni i ka tarda, kuma jovens di PRS tona vira mais tudu sê speransa na Artur Sanhá, ma é biás no na fitchal pa manga di tempu, ó no fassil suma Silvestre Alves. Pabia nô pensadur garandi Hélder Proença falanu kuma és i úniku manera ku nô pudi robal ki chepeu burmedju pa nó pudi pul sumbia di Cabral, pabia nin Cadogo ku Bacai ka tene sintidu di Cabral. É ka pudi rastanu pa leba diani. Kussa dén dimas, ma i bardadi ku Kofi Annan konta ba di kuma Guvernu di Transisson dibidi kontinua ba pa País pudi sai na krisi, pabia di tarbadju certu ku el Artur na fassi ba. Pa Deus djudanu ba konsigui djundal. I na sedu festa toki sol mansi, pabia kila na sedu fin di PRS. Já não importa revelar-me a mim, porque já me conhecem.
Sambuia Caeiro Nevada   Bissau   Guinea-Bissau   19/04/2007 18:00:09
A Luta de Espetezas no seio do Partido do Dr. Koumba Yalá
A Luta de Espetezas no seio do Partido do Dr. Koumba Yalá Mais um posicionamento erradíssimo e vergonhoso de alguns colegas deputados da Nação, concretamente mais verificado no PRS. Deputados na corrida desenfreada aos cargos das Direcções Gerais da Alfêndegas, Contribuicoes e Impostos, dos Portos da Guiné-Bissau, mais outras. Num Partido bem organizado, isto não acontece. Porque? – se repararmos bem na votação da moçaão de censura que derubou o Governo do Fórum, só votaram 11 deputados na bancada do PRS a favor da mesma, num total de 35 deputados. Agora, Senhores dirigentes do Partido do Koumba Yalá, eu enquanto deputado, exorto-vos a não deixarem esses meus colegas que desde a semana passada já começaram a sonhar com as referidas Direcções Gerais, deixando a nossa bancada num estado descontrolado. Caso contrário todos nós queremos ser Directores Gerais o que o não vai contentar o nosso líder Koumba Yalá. Ainda mais, eu na qualidade de deputado, embora conformado como parlamentar, reúno melhores condições para exercer o cargo de ministros do que aqeueles andam a perfilar com o apoio de Sory, por simples afinidade étnica e conveniencial, como tem acontecido com os os nossos irmãos manjacos que só sabem trabalhar nas águas salgadas do Pindjiguiti (APGB). O PRS é agora um clube de feiticeiros! Régulo Sory, toma kuidadu, allá abaixo-assinado di juventude tchiga dja até metadi, pa botau fora e pa dinunciau. Kuma ku bu na seta pirdi ministérios de Interior tudu ku finansas? Talvez bu kustuma bindi-bindi. Ma ba randja messa na feira di bandé. Ninguin ka spera ba kuma bu kabessa lebi. Por isso eu peço desculpas ao clube dos impugnadores que afinal de contas tinha a razão, pois te conhecem perfeitamente. Tu nunca é digna de confiança. Suma diskunfiansa di ratu ku gatu. Para o Augusto Poquena, o que eu sei, embora não pertenço a vossa etnia, é que: balanta si i burgunhu i ta mata kabessa! Nô na perau. Abós i mon, udju, boka, pés i sintido di Koumba nés mumentu di kansera na Guiné. Ma bo dissa Nino ku PAIGC tursi bós mon, suma si kontra bo ka bai studa fora suma elis ó suma si kontra bo ka tené garandis na kassa. Bó bai rádios, si kontra bo limpu i bo ka para mon na noti sukuru di Bissau. Quiridi, forti Borgonha! Ma Bona matil um dia dês, si nô pirdi eleições, ó si sigridu bin na kontadu pa kil ku bo sigrida kuel. Nghôbi kuma abós i konfiansa di Koumba, pabia bó mudu: só, sin sinhor!, ma bo fasil kumpra Dimas. Koitadi di balantas, e ta vota tok, bo ta panha bo bindi. Assim ki mundu. Ma kumba na bin. Si bo ka bin djuminal tan ku bó mentida tambi.
Sambuia Caeiro Nevada   Bissau   Guinea-Bissau   18/04/2007 19:39:40
Ah! Afinal o feijão tem o tocinho. – Palhaçadas ou Negociatas? Afinal Artur Sanha, embora magrinho mas tinha razao tambem.
Ah! Afinal o feijão tem o tocinho. – Palhaçadas ou Negociatas? Dr. Vençan Naluak, Dr. Sedja Mam, Engº Fernando Correia Landim, nem o mestre Artur Sanha podiam ser ministro do Interior! Uma pasta que o iletrado negociata Sory Yalá afinal já tinha negociado com o Nino para o Baciro watcha katcheu que so sabe inventar golpes de estado. O PRS nao deve deixar este negócio pessoal ficar assim em branco, pois todos os militantes já sabem de que o resultado das negociações determina 40% de pastas ministeriais para o PRS como a igual percentagem para o PAIGC. Todos os militantes até no fundo das tabancas do interior da Guiné-Bissau estão confusos e revoltados com seriedade contra os dirigntes que numa das aquelas noites de negociata sentaram a fresco para venderem às escondidas o Ministério das Finanças, quando o próprio Isufo Sanha reconheceu de que era a pasta do PRS. Mas, ele foi convencido pelo General João e Bas Dabó de que já tinham feito o negócio com a Direcção do PRS, pelo que o assunto já está ultrapassado.Mesmo assim, o Issufu teve que reconhecer da existência de quadros que um deles podia muito melhor que ele assumir as Finanças sem dúvidas. O Sory conseguiu fazer o negócio que tanto queria mesmo antes da queda do Aristides: ter dinheiro para esconder no banco ou ir enterrar na sua tabanaca (como Lino Bedan) e , mudar de carro novo para que possa também ser visto em grande com cotovelo em virgulo como régulo que se gaba ser nas reuniões da Comissão Política do PRS do KY. Infelizmente o próprio Koumba nao gosta de conselhos, por senão, ele nao ia confiar este grande Partido ao Sory que sempre fugiu nos momentos críticos da vida política desta formação partidária. O Augusto Poquena nao me surprender, porque ele tinha que entrar nessa batalha de leiloar o Interior e Finanças sem responsabilidade como o Sory a fim de poder ter dinheiro para sempre continuar a sustentar a sua moda a pipi e bico-fino. É vergonha! Nao é de estranhar. Porque o oSory insultou em tempo o Koumba de doido, palhaço e sem carácter e nem postura para merecer o seu apoio nas últimas presidenciais, apoiando o Bacai e, mesmo assim acabou por ser entregue a rédea do PRS pelo próprio Koumba. O Gasparzinho fraquinho, como todos os militantes do Partido sabem é um militante transferido mas sem segredo algum como profissional. Tudo que sabe é sabido atrás do bar da menina bonita Baby. Tudo o que se apropriou de forma ilegal da migração, tesouro antes, Instituto de Comunicações, é ainda hoje patenteado com coroa de rei dos bandidos ao Ministério que precisava de um figura irrepreensível e de reputação iinterna e externa. Mas eu sei os nomes dos jogadores da sua equipa.: N.º 10 é o Fernando Gomes Purtu (ponta de lança), n.º 7 Nhu Tipote Purtu (ambos desfilam para APGB de npono france. Oh diabos Poquena e Djaló, chega de brincadeira. O Filósofo Iala parece que já acedeu ao site (Internet) onde é debatido estes assuntos que em nada abonam ao bem estar do País e muito menos à imagem do Koumba e PRS e de alguns grandes ebons e fieis quadros que ainda aí eexistem. Por: Sambuia Caeiro Nevada
Johnny de sousa   Haia (Holanda)   Guinea-Bissau   23/01/2005 10:31:18
Formacao na ENEFD
E louvavel esta proposta colegial, mas esperava que ela tivesse sido dum Guineense ou Cabo-Verdiano, ja que continuo a valorizar e a considerar tudo e todo aquilo que eventualmente tera a ver com os nossos dois paises que sempre seja da nossa pura inspiracao intelectual, porque possuimos estes valores. Johhny de sousa Hollanda
 

Guine-Bissau.com - marca registrada.
Não se autoriza a utilização dos nossos conteúdos sem prévio acordo.
BISSAU - GUINÉ-BISSAU
EDITORIAL
  LIBERDADE DE EXPRESSÃO !!
>> ELEIÇÕES 2008
>> ELEIÇÕES 2004
>> OPINIÃO
>> ANÚNCIOS
>> CORRUPÇÃO
>>  AJUDAS INTERNACIONAIS
>>  DOSSIERS
 Arduinna.org